Acessibilidade

Seped divulga resultado preliminar do edital para fomento de OSCs

Os valores repassados às instituições são fruto de uma parceria entre Seped e FPS | Reprodução

A Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped) divulgou, nesta sexta-feira (26), o resultado preliminar das Organizações da Sociedade Civil (OSCs) que estão habilitadas – e não habilitadas – para firmar o termo de fomento, seguindo os critérios do Edital de Chamamento Público nº 01/2019 – Ações Descentralizadas Socioassistenciais às Pessoas com Deficiência.

Resultado de uma parceria com o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), o edital foi lançado em maio deste ano e, após a divulgação deste resultado, os representantes das OSCs têm até o dia 29 de julho para a apresentação de recursos.

Foram29 OSCs habilitadas que atuam na capital e nos municípios de Iranduba, Itacoatiara, Boca do Acre, Humaitá, Tefé, Tabatinga, Coari, Manicoré, Boa Vista do Ramos, Parintins, Nova Olinda do Norte, Manquiri, Maués, Itapiranga, Manacapuru e Silves. São elas:

  • Instituto Filippo Smaldone;
  • Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (MORHAN);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Manaus (Apae Manaus);
  • Instituto Autismo no Amazonas (IAAM);
  • Associação Pestalozzi de Manaus;
  • Instituto Silvério de Almeida Tundis (ISAT);
  • Associação de Deficientes Visuais do Amazonas (ADVAM);
  • Associação Amigos dos Autistas do Amazonas (AMA);
  • Associação dos Deficientes Intelectuais do Amazonas (ADIAM);
  • Associação de Apoio Lar de Vitórias;
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Iranduba (Apae Iranduba);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Itacoatiara (Apae Itacoatiara);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Boca do Acre (Apae Boca do Acre);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Humaitá (Apae Humaitá);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Tefé (Apae Tefé);
  • Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Tabatinga (ApaeTabatinga);
  • Associação Pestalozzi de Coari;
  • Associação Pestalozzi de Manicoré;
  • Associação Pestalozzi de Boa Vista do Ramos;
  • Associação Pestalozzi de Parintins;
  • Associação Pestalozzi de Nova Olinda do Norte;
  • Associação Pestalozzi de Manaquiri;
  • Associação Pestalozzi de Maués;
  • Associação dos Deficientes Físicos de Itacoatiara (Adefita);
  • Associação dos Deficientes físicos de Itapiranga (Ademi);
  • Associação dos Cidadãos Especiais de Manacapuru (ACEM);
  • Associação dos Deficientes Físicos de Silves (ADEFISILVES);
  • Associação dos Deficientes Físicos do Amazonas (Adefa);
  • Federação das APAES do Estado do Amazonas.

Casa Andréa do Amazonas, Organização não Governamental – Renascer, Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Rio Preto daEva, Associação Sister Special e Conselho Comunitário do Bairro do Zumbi dos Palmares –  CCBZP não foram habilitadas para concorrer ao termo de fomento.

 

 


Reportar Erro