Acessibilidade

Eficiência e empatia marcam nova gestão da Seped

As pessoas com deficiência que buscam o serviço da secretaria elogiam o atendimento e o novo olhar à causa | Fotos: Zeca Barcellos

Representando um quarto da população amazonense, a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped) ganha destaque nestes 100 primeiros dias de administração do governador Wilson Lima pelo comprometimento aos serviços prestados à população.

“Desde que assumi, no dia 1º de janeiro, a minha preocupação tem sido, juntamente com a minha equipe, trabalhar de forma austera, baseada nos princípios fundamentais da transparência e da eficiência”, declarou o governador durante coletiva de imprensa realizada nesta quarta-feira (10/04), na sede do Governo do Estado, na zona oeste da capital.

A política de atenção à pessoa com deficiência vem sendo implementada de acordo com os princípios e diretrizes norteadores, visando assegurar o pleno exercício dos direitos individuais e sociais deste segmento populacional.

“São as experiências de quem chega até a secretaria que faz nossos projetos caminharem. Tudo é pensado em cada pessoa com deficiência e seus familiares, porque isso é incluir. Dar a eles um mundo melhor, com mais respeito, são os motivos de eu me levantar todas as manhãs e cumprir minha missão na Seped”, disse Viviane Lima, titular da pasta.

Qualidade – Por meio da Seped, o Governo do Amazonas avançou no atendimento dessa parcela da população. Em março, inaugurou uma nova sede, com 2 mil metros quadrados, mais acessível e confortável. O novo prédio está no padrão normatizado pelas leis da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), oferecendo sinalização tátil no piso e em placas de identificação, aberturas de porta para o lado de fora em banheiros acessíveis e com barras de apoio e transferência, com dimensões que garantem a circulação com giro de 360º de um usuário de cadeira de rodas.

Fomento – Entre as principais ações, em 100 dias, estão a execução de 10 Termos de Fomento com instituições sociais na capital e oito no interior, com investimentos de 4.053.497,79, beneficiando 4.376 mil pessoas com deficiência e suas famílias.

Autonomia e inclusão – Atualmente, Seped conta com 16.127 PcDs cadastrados em seu sistema de informação e recebem serviços prestados ou articulados pela secretaria. Só nestes 100 dias, os números chegam a quase três mil – entre novos cadastros e atendimentos, favorecendo melhor qualidade de vida, autonomia e inclusão social.

Entre os principais serviços demandados estão a emissão do Passe Legal, encaminhamento para o mercado de trabalho, atendimentos jurídicos e psicossocial e o acompanhamento de pessoas surdas, feitos por tradutor/intérprete de libras.

Ações – No Carnaval, a Seped montou o Camarote Acessível, com acessibilidade e a presença de intérpretes de Libras nos eventos no Sambódromo.

Em março, promoveu a semana em alusão ao Dia Internacional de Síndrome de Down, com oferta de ações recreativas e socioeducativas no Centro Cultural Povos da Amazônia. No mês seguinte, ofereceu um dia de atividades no Centro Estadual de Convivência da Família Magdalena Arce Daou para celebrar o Dia Mundial de Conscientização do Autismo.

Quinze reuniões técnicas foram promovidas para orientar organizações sociais sobre aplicação de recursos destinados à defesa e promoção da cidadania, da capital e interior.

A secretaria também lançou o projeto “Seped Abraça”, que visa a sensibilização e a conscientização do cotidiano das PcDs para toda a sociedade.

Entre as últimas atividades realizadas neste período, está a vinda da ministra Damares Alves e das secretárias nacionais da Mulher, Tia Eron e da Pessoa com Deficiência, Priscilla Gaspar. A comitiva federal conheceu os projetos da Seped e afirmou que o Amazonas será o pioneiro nas ações voltadas a estes segmentos.

Feedback – As pessoas que buscam os serviços da secretaria têm respondido favoravelmente ao novo modelo da gestão. Pessoalmente ou por meio das redes sociais, elas se mostram contentes com o desempenho das ações da pasta e nas eficiência nos atendimentos.

“Parabéns. Estive aí e realmente constatei que o local é muito bom, com um estacionamento maravilhoso. Secretária e equipe, mais uma vez: muito obrigada”, publicou Almir Pereira sobre a nova sede.

“Fiquei emocionada e feliz em saber que existe uma secretaria em Manaus tão bem estruturada e com pessoas engajadas na área”, disse Anaceli Peixoto na publicação sobre a vinda da ministra.


Reportar Erro